Bioperine 10mg - Auxilia na absorção de nutrientes essenciais para vida

Bioperine 10mg - Auxilia na absorção de nutrientes essenciais para vida

Principais Indicações

Para quem sente muito cansaço após os treinos;

Para quem precisa aumentar a resistência física;

Para quem precisa intensificar a perda de peso;

Aumento da absorção de outras proteínas;

 

Informações

Bioperine – Piper nigrum

 - Ação antioxidante e antiinflamatória;

- Favorece a absorção e aumenta a biodisponilidade de suplementos e aminoácidos;

- Ação anticarcinogênica e hepatoprotetora;

- Promove a diminuição dos níveis de açúcar sanguíneo e o aumento dos níveis testosterona.

 

Composição/Posologia

Bioperine 10 mg

Excipiente Qsp 1 cápsula

 

Tomar 1 cápsula após o treino,com pelo menos meio copo de água,ou conforme a orientação de um profissional habilitado.

 

Informações Adicionais

 Validade: 4 Meses.

 Categorização:

Pós-treino;

Termogênico.

 

Bioperine – Piper nigrum

 

- Ação antioxidante e antiinflamatória;

- Favorece a absorção e aumenta a biodisponilidade de suplementos e aminoácidos;

- Ação anticarcinogênica e hepatoprotetora;

- Promove a diminuição dos níveis de açúcar sanguíneo e o aumento dos níveis testosterona.

 

Bioperine – Piper nigrum

 A pimenta negra ou Piper nigrum é base para o suplemento chamado Bioperine. Ela vem sendo usada tanto como tempero quanto como medicamento tradicional há milhares de anos. Em sua composição há taninos, glicosídeos, flavonóides e a piperina, seu principal alcalóide. Na medicina tradicional era utilizado como antiinflamatório e para distúrbios convulsivos.

 

Segundo artigo de revisão publicado em 2012, esse extrato é capaz de aumentar os níveis de testosterona no organismo e agir como modulador hormonal. Ainda segundo esse artigo Bioperine favoreceu o aumento da ação antioxidante e hepatoprotetora de um composto a base de quercetina e curcumina em estudo de estresse oxidativo induzido por paracetamol em 2012.

 

E segundo um estudo realizado em 2011 em modelo animal Bioperine é capaz de favorecer a termogênese e por conseqüência a redução de peso. E para complementar essa ação, estudo de 2005 afirma que Bioperine é capaz de modular ação do metabolismo lipídico reduzindo o acúmulo de lipídeos.

Bioperine também favorece absorção de nutriente como selênio, betacaroteno, curcumina além de outras vitaminas e aminoácidos de acordo com artigo de revisão publicado em 2009.

 

Precauções e reações adversas:

 

Estudo realizado em 2007, avaliando a toxicidade aguda e subcrônica desse extrato em modelo animal concluiu que Bioperine é bem tolerado nas doses terapêuticas recomendadas.

No entanto estudo realizado em 2002 afirma que ele inibe o CYP3A4 e a glicoproteína P humana, interagindo com medicamentos como fenitoína, rifampicina, digoxina e ciclosporina.

Estudo de 2006 afirma que Bioperine interage com a ciprofloxacina.

Artigo de revisão de 2011 afirma que Bioperine interage ainda com sulfadiazina, nimesulide, propanolol, teofilina, beta lactâmicos, oxitetraciclina, piridoxina, tetraciclina, vasicina e pentobarbitona.

É necessário que haja cautela no uso concomitante de Bioperine e os medicamentos descritos.

 

Recomendações importantes

 1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado;

2. Imagens meramente ilustrativas;

3. É recomendável uma dieta e exercícios físicos para auxiliar a redução de peso;

4. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto;

5. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico;

6. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido;

7. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem;

8. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças;

9. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica;

10. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica;

11. Este medicamento não deverá ser partido ou mastigado;

12. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica;

13. Este medicamento não deve ser utilizado durante o período de amamentação sem orientação médica;

14. Pacientes com problemas de pressão ou fazendo uso de hipertensores ou hipotensores, bem como pessoas com problemas glicêmicos devem procurar um médico antes de utilizar esse produto;

15. "SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.”

 

Literatura

Referências consultadas

 

AHMAD, N. et al. Biological role of Piper nigrum L. (Black pepper): A review. Asian Pacific Journal of Tropical Biomedicine, v.2, n. 3, pg. S1945-S1953, 2012

 

ATAL, S. et al. Evaluation of the effect of piperine per se on blood glucose level in alloxan-induced diabetic mice. Acta Poloniae Pharmaceutica and Drug Research, v. 69, n. 5 pg. 965-969, 2012

 

BASSEY, E. et al. Effect of piper nigrum on stomach of wistar rat. International Journal of Pharmaceutical and Biomedical Research, v. 2, n. 2, pg. 68-73, 2011

 

BHARDWAJ, R. K. et al. Piperine, a Major Constituent of Black Pepper, Inhibits Human P-glycoprotein and CYP3A4. The Journal of Pharmacology and Experimental Therapeutics, v. 302, n.2, pg. 645-650, 2002

 

CHONPATHOMPIKUNLERT, P. et al. Piperine, the main alkaloid of Thai black pepper, protects against neurodegeneration and cognitive impairment in animal model of cognitive deficit like condition of Alzheimer's disease. Food and Chemical Toxicology, v. 48, pg. 798-802, 2010

 

CHUNLARATTHANAPHORN, S. et al. Acute and subchronic toxicity study of the water extract from dried fruits of Piper nigrum L. in rats. Songklanakarin Jorunal of Science and Technology, v. 29, (Suppl. 1), pg. 109-124, 2007

 

GAGINI, T. B. et al.  Oral administration of piperine for the control of aflatoxin intoxication in rats. Brazilian Journal of Microbiology, v. 41, pg. 345-348,

 

GHARB, M. K.; YAHYAVI,H. Spasmolytic Activity of Piper Nigrum Fruit Aqueous Extract on Rat Non-Pregnant Uterus. Iranian Journal of Pharmacology & Therapeutics, v. 6, pg. 35-40, 2007

 

KAUR, G.; KULKARNI, S. K. Antiobesity effect of a polyherbal formulation, OB-200G in female rats fed on cafeteria and atherogenic diets. Indian Journal of Pharmacology, v. 32, pg. 294-299, 2000

 

KHAN, I. A. Piperine, a Phytochemical Potentiator of Ciprofloxacin against Staphylococcus aureus. Antimicrobial agents and chemotherapy, v. 50, n. 2, pg. 810-812, 2006

 

KHANI, M. et al. Bioactivity Effect of Piper nigrum L. and Jatropha curcas L. Extracts against Corcyra cephalonica [Stainton].  Agrotechnology, v. 2, n. 1, 2012

 

LI, S. et al. Antidepressant like effects of piperine in chronic mild stress treated mice and its possible mechanisms.Life Sciences, v. 80, pg.  1373-1381, 2007

 

MEHTA, A. et al. Piperine and quercetine enhances antioxidant and hepatoprotective effect of curcumin in paracetamol induced oxidative stress. International Journal of Pharmacology, v. 8, n. 2, pg. 101-107, 2012

 

NAHAK,G.; SAHU, R. K. Phytochemical Evaluation and Antioxidant activity of Piper cubeba and Piper nigrum. Journal of Applied Pharmaceutical Science, v. 1, n. 8, pg. 153-157, 2011

 

PANDA, S.; KAR, A. Water and Ethanol Extracts of Piper nigrum in Regulating Thyroid Function and Lipid Peroxidation in Mice. Pharmaceutical Biology, v. 41, n.7, pg. 479-482

 

PATIL, U. K. et al. Role of Piperine As A Bioavailability Enhancer. International Journal of Recent Advances in Pharmaceutical Research, V.4, PG. 16-23, 2011

 

RESHMI,S. K. et al. Isolation of piperdine from Piper nigrum and its antiproliferative activity. Journal of Medicinal Plants Research, v. 4, n.15, pg. 1535-1546, 2010

 

SHAH, G. R. et al. Evaluation of a multi-herb supplement for erectile dysfunction: a randomized double-blind,placebo-controlled study. Complementary and Alternative Medicine, v.12, n. 155, 2012

 

SHAMKUWAR, P. B. et al. Evaluation of antidiarrhoeal effect of Black pepper (Piper nigrum L.). Asian Journal of Plant Science and Research, v. 2, 1, pg. 48-53, 2012

 

SINGH, A.; DUGGAL,S. Piperine - Review of advances in pharmacology. International Journal of Pharmaceutical Sciences and Nanotechnology, v. 1, n. 2, pg. 615-620, 2009

 

VIJAYAKUMAR,R. S.; NALINI, N. Lipid-lowering efficacy of piperine from Piper Nigrum L. in high-fat diet and antithyroid drug-induced hypercholesterolemic rats. Journal of Food Biochemistry, v. 30, pg. 405-421, 2006

Cápsula
30 Cápsula Vegetal
60 Cápsula Vegetal
90 Cápsula Vegetal

Escreva um comentário

Nota: O HTML não é traduzido!
    Ruim           Bom

  • Modelo: Bioperine 10 mg | Tomar 1 cápsula após o treino,com pelo menos meio copo de água.
  • Disponibilidade: Em estoque
    Parcele em até 7 x R$5,16


  • R$33,40

Opcões disponíveis